Negócios

Entregador iFood - Guia de 2019: Como ser um e quanto ganha

Equipe
Escrito por Equipe
Entregador iFood - Guia de 2019: Como ser um e quanto ganha
Junte-se a mais de 12 mil pessoas

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

Entregador iFood não ganha com taxas fixas. Em vez disso, recebe conforme diversos critérios. Saiba quais são eles e como chegar a R$ 4.000,00 por mês.

O Entregador iFood, diferente dos entregadores de outros aplicativos, não recebe pagamento fixo.

Enquanto o Rappi paga um valor mínimo por entregas de até 3 quilômetros e paga a mais por km rodado, o iFood não.

O seu ganho depende de diversos fatores. Esses fatores irão aumentar ou diminuir os seus rendimentos por entrega.

No entanto, descobrimos como ganhar mais sendo entregador iFood. Uma estratégia que poderá fazer 2 mil, 4 mil, 6 mil… Dependendo de você aplicá-la bem.

E, se o local para entregar é um fator importante para receber bem no iFood, então ajudamos. Temos um resumo com dicas para encontrar os melhores lugares para você entregar.

Caso você ainda não seja Entregador iFood, ensinamos você a como se cadastrar. E a como mexer no aplicativo.

Fique conosco e descubra como ganhar mais sendo Entregador iFood.

Boa leitura!

Hoje você descobrirá:

Entregador iFood: estratégias para ganhar mais!

entregador-ifood-estrategias.jpg
Veja estratégias para lucrar sendo um entregador iFood.

O Entregador iFood receberá seus rendimentos sempre dependendo de três fatores:

  • Densidade de pedidos dos restaurantes;
  • Tempo disponível para entregar;
  • Distância e trajeto das entregas.

A única coisa certa é que, quem mais entrega, mais recebe. Existem, porém, maneiras de você entregar mais e receber mais por entrega.

Há entregadores que retiram, em média, entre 7 e 15 reais por entrega e fazem por volta de 8 entregas por dia. Isso dá, no máximo, 120 reais com bastante esforço e desgaste no pedal.

Tem quem jure ganhar 400 reais por dia, trabalhando o dia inteiro. Isso dá R$ 3.200 mil por mês. Mas claro, isso com vendas bastante estratégicas. E gastando bastante sola de sapato no pedal da bicicleta.

Para isso, fique sempre atento. Se coloque como entregador nos horário do almoço ou pós-expediente comercial. Esses são os horários em que as pessoas mais fazem pedidos.

Os dias também são bastante importantes. Finais de semana é quando muitas pessoas decidem que cozinhar não vale a pena. Estão cansadas, com preguiça, ou só querem recompensar pela semana de trabalho.E você estará começando a sua.

Os bairros em que você se coloca como entregador também devem ser pensados. Quanto mais restaurantes na volta, mais entregas você faz. Se você estiver em bairros comerciais, a tendência é quantidade maior ao meio dia.

Outros bairros, como os boêmios, vencerão com quantidade à meia-noite. Os bairros boêmios também podem oferecer entregas de grande distância.

Se você não conhece os bairros com mais restaurantes na sua cidade, tudo bem. Nós ajudamos você, na capital de cada estado, onde se colocar para entregas. Dessa forma, você estabelece uma “base de operações” e saberá onde sempre terá pedidos para atender.

VANTAGEM: 

Se você concentrar as entregas em bairros cujos clientes têm maior condição financeira, poderá receber mais. Isso porque existe a opção de gorjeta no aplicativo. Será um extra que poderá fazer a diferença no saldo final.

Base de operações de um Entregador iFood

Segundo a pesquisa do G1, Itaim-Bibi é o bairro paulistano nº1 em delivery. Se você é da cidade, já sabe onde trabalhar suas entregas.

Se você não for, entenda o bairro e encontre na sua cidade quais os equivalentes. Em Itaim-Bibi, foram feitos mais de 5 mil pedidos durante 3 meses. Em apenas um bairro.

Itaim-Bibi é um bairro com muitos bares e restaurantes. Entre eles, as pizzarias são as que mais entregam. A cada dez encomendas, segundo a pesquisa, cinco são de pizzas. E três são de sanduíches. Sushi e comida árabe também fizeram uma pedida grande.

Procure na sua cidade os bairros que possuem esse tipo de alimento. Também entenda as características específicas da sua região. Em terras do sul, por exemplo, churrascarias podem ser uma boa ideia.

No entanto, seja flexível. Há lugares em que a maior parte das entregas são durante o dia, outros durante a noite. O dia da semana também irá fazer a diferença na hora de escolher onde trabalhar como Entregador iFood.

DICA IMPORTANTE: Você pode ser entregador fixo de algum restaurante. Se as partes desejarem, basta acessar seu perfil e entrar em “Fixo no restaurante”. Você, então, deverá escanear o código QR das notas fiscais do restaurante parceiro.

Como ser um Entregador iFood – Passo a Passo

entregador-ifood-como-ser-um.jpg
Veja abaixo o passo a passo para ser um entregador iFood.

O primeiro passo para ser um entregador iFood é baixar o aplicativo iFood para Entregadores no celular. Ele está disponível para quem tem celular com Android ou iOS.

Após você baixar seu aplicativo, você deve se cadastrar. Esse cadastro pedirá que você informe seu CPF e seus dados de conta bancária. Caso você queira fazer entrega com veículo, em vez bike, muda um pouco. Você deverá informar sua CNH, com foto, e documentos da moto.

Quando você fizer o cadastro, a equipe do iFood irá avaliar. Quando aprovado, é só acessar o aplicativo e começar a entregar. Se você não o conhece, nós ensinamos você!

iFood para Entregadores: como usar o aplicativo

Logo ao abrir o aplicativo, você terá duas opções. Fazer login pelo e-mail ou número de telefone cadastrados. E validará o login ao utilizar a senha.

Para mexer no aplicativo e aceitar pedidos, você sempre terá que ter mais de 20% de bateria. E você também terá que ativar a localização no modo de alta precisão.

Você então deverá ativar ou desativar a sua disponibilidade. Caso você queira fazer entregas, clique no botão roxo, que tornará você disponível. Esse mesmo botão ficará vermelho e você deverá apertá-lo novamente para se tornar indisponível.

Os pedidos irão aparecer na tela inicial do aplicativo. Quando aparecerem os pedidos, haverá o número de paradas previsto e o valor da corrida. Se você quiser aceitar, arraste o pedido para a esquerda. Se você quiser recusar, arraste para a direita.

CUIDADO: 

se você rejeitar 3 pedidos seguidos, o aplicativo desativará você imediatamente. Ele entenderá que você está indisponível.

Pedido aceito! E Agora?

Ao aceitar o pedido, você terá acesso ao nome e ao endereço do restaurante. Você deverá chegar lá dentro do horário estimado da coleta. Esse horário também será mostrado, junto com o trajeto e o percurso total.

Quando você chegar no restaurante, você terá que apertar em “cheguei na coleta”. Esse botão só estará disponível se você estiver no endereço do restaurante. Ah, e para chegar lá, o iFood mostrará o caminho.

Você então deverá coletar o pedido e confirmar a coleta no aplicativo. Logo que o fizer, começará o acompanhamento da corrida. Nesse momento, você também terá disponibilizado o chat com o suporte.

O iFood mostrará o mapa e o trajeto da entrega. Ao terminar a sua viagem, você deverá apertar o botão “Cheguei” para avisar o cliente.

Se você estiver com dificuldade para encontrar o lugar, você pode ligar para o cliente. Seu telefone não será identificado e seu telefonema não será cobrado.

Agora você já está disponível para fazer entregas novamente.

ATENÇÃO: 

Você deve estar sempre dentro dos padrões da empresa. O iFood bloqueia entregas para usuários que estiverem irregulares.

Aplicativos que forjam a localização do entregador, como GPS falso ou vpn, GPS inativo, relógio desajustado e baixa bateria do celular são algumas das irregularidades. Quando essas irregularidades são corrigidas, o aplicativo se ativa novamente. 

Entregador iFood com mais de 4 mil por mês!

entregador-ifood-com-mais-de-4-mil.jpg
Você pode ganhar mais, aliando suas entregas com uma microfranquia!

O tempo que você se dedica a ser entregador Ifood pode render mais. Afinal, um entregador de qualquer aplicativo ganha no máximo de por volta de R$ 400 por dia. Isso trabalhando muito, virando a noite.

Porém, se você aliar o seu trabalho de entregador Ifood a uma renda extra, esse valor diário aumentará. Basta você ter uma estratégia com ganhos passivos.

Isso é, uma estratégia em que você continue recebendo sem trabalhar, depois de um esforço inicial. Nesse caso, a solução é você se tornar um empreendedor.

Sim, nós sabemos que empreender é arriscado. Mas aí que está o pulo do gato: há como empreender com pouco e receber bastante. E isso significa se tornar um franqueado de uma microfranquia.

Entenda mais sobre microfranquias

Você sabe o que é uma franquia? Não? Então responderemos para você.

Franquias são oportunidades de atalho no empreendimento. Você paga pelo direito de uso de marca de uma empresa já estruturada. Você recebe o know-how da empresa, treinamento para você e seus funcionários (para empresas grandes) e outras assistências.

Nós temos artigos mais detalhados explicando o que é e como funciona uma franquia.

Porém, essas franquias costumam cobrar valores altos. Por exemplo, R$ 50, 100, 200 mil. Apesar da alta chance de retorno, e do alto faturamento, é custo! Em contrapartida, existem as microfranquias.

São empresas menores que oferecem oportunidade de empreendimento com investimento inicial baixo. Por exemplo, nós temos uma lista de cinco microfranquias para você investir. Algumas delas pedem no máximo R$ 10 mil ou, melhor ainda, até R$7 mil.

O melhor de tudo é que você costuma conseguir parcelar. Esse parcelamento será bem pago caso você escolha uma microfranquia de alto faturamento e retorno rápido. Quer um exemplo na prática? Ok, vamos lá!

Pense no entregador ifood. Agora pense em todos os entregadores ifood, rappi, uber eats etc na sua região. E pense no quanto eles usam maquininhas de cartão de crédito e de débito.

Imagine que uma parte de cada pagamento nessas maquininhas vá para o seu bolso. Isso seria possível se você quem tivesse vendido a maquininha para o estabelecimento. Ao menos, essa é a proposta da Acqio Franquias.

Microfranquia Acqio

A 15ª maior franquia do país, segundo a Associação Brasileira de Franquias, é uma microfranquia. Isso significa que o investimento inicial será baixo e o faturamento será alto.

A taxa inicial é de R$ 6,9 mil, parcelada em 6x. Durante esse tempo, você conseguirá superar o investimento e irá lucrar. Isso porque você ganha de duas formas.

A primeira forma é ao vender a própria maquininha, que lhe dará uma comissão de cara.

A segunda forma é quando a maquininha é utilizada. Sempre que um cliente seu vender utilizando a maquininha, você receberá uma porcentagem.

Ou seja, você terá uma renda extra com ganhos ativos e passivos. Enquanto você espera os rendimentos serem gerados, você pode vender mais maquininha. E ainda poderá continuar pedalando como Entregador iFood.

Mas tenho certeza que ao chegar nos rendimentos de R$ 6 mil você não irá querer mais sua bicicleta ou moto. Exceto para passear, é claro.

Para quem não sabe vender

Quem não tem ideia de como vender ou quer apenas aprimorar, tudo bem. A Universidade Acqio ajudará você. São três módulos de curso EAD com ambiente online qualificado.

Os três módulos são “Imersão no Mercado de Pagamentos Digitais”, “Workshop de Vendas” e “AcqioLab Aprendizado Técnico”. Eles ensinarão você a ser um vendedor qualificado. Com o estudo e o esforço, você será um dos mais de 1113 franqueados Acqio.

Você será especialista em maquininhas de cartão de crédito e débito.

Conclusão

entregador-ifood-conclusao
Agora você já sabe o passo a passo para ser um entregador iFood.

Os 400 por dia com muito esforço, muitas horas de trabalho e muita estratégia, parecem interessantes. Mas talvez seja melhor deixar esse tipo de trabalho como um paliativo financeiro.

Pense que esse é o limite e que há caminhos mais lucrativos a serem seguidos. Empreendedores que se esforçam da mesma forma possuem faturamento muito maior. Isso por ser um trabalho que o limite é o número de clientes existentes. Não o de horas no seu dia.

Basta vender as maquininhas. Depois, receber o faturamento de forma passiva. Para isso, precisa estudar bem o mercado e empreendimento.

Falando em estudar, você gostaria de um livro? Nós temos um ebook para você sobre como empreender em 2019. E ainda receber mais de 6 mil por mês! Leia aqui!

Você também pode gostar de nossos outros artigos:

Obrigado pela leitura! 🙂

Hey,

o que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

Junte-se a mais de 12 mil pessoas